Service95 Logo
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 
Issue #016 The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 

All products featured are independently chosen by the Service95 team. When you purchase something through our shopping links, we may earn an affiliate commission.

Stills featuring the films Annette, The Souvenir: Part II, and the TV Series Bridgerton Alamy, Netflix, BBC Films

The Clit Test: o termômetro feminista do prazer feminino 

Frances Rayner iniciou a campanha The Clit Test há mais de dois anos – apelidado de “teste de Bechdel” para cenas de sexo, ele avalia programas de TV e filmes que reconhecem a existência e a importância do clitóris. “A ideia de que o sexo é só um pênis entrando em uma vagina está ultrapassada”, diz Frances.

Determinada a ver o sexo tratado de forma realista na tela, Frances – que trabalha no departamento de comunicação de uma organização de caridade em Glasgow, Escócia – ficou “impressionada” com a resposta. “Quando enviei o primeiro comunicado de imprensa sobre o The Clit Test, não tinha ideia do interesse que ele despertaria, mas, desde então, já fomos divulgados em 14 países”, diz ela. “Tivemos muito apoio de sexólogos, diretores, criativos, atores e coordenadores de intimidade no set.” Meu objetivo era divulgar o bom trabalho dos criadores e desenvolver um padrão do que é sexo bom – e acho que isso foi alcançado. Seja ou não por influência da campanha, fico feliz em dizer que, nos últimos seis meses, vi poucas cenas de sexo que não levavam o clitóris em consideração.” Então, quais filmes e programas de TV recentes estão no topo da lista? Veja os comentários de Frances:

1. Bridgerton  “Ficaram totalmente normalizadas”, diz Frances sobre as cenas de sexo da primeira temporada de Bridgerton, a série de sucesso da Netflix criada por Shonda Rhimes. “Há muitas cenas envolvendo língua e mãos. É muito bom ver isso retratado de forma genuinamente descarada e, é claro, não só com penetração.”

Mas nem tudo é perfeito. “Meu único problema com a série foi a cena em que Daphne (personagem de Phoebe Dynevor) meio que engana seu marido Simon (interpretado por Regé-Jean Page) para engravidar – ou tentar”, explica Frances. “Ele pede para ela parar, mas ela não para. Achei que isso não foi levado a sério o suficiente. Muitas pessoas expressaram desconforto.” 2. Annette  “É uma verdadeira obra de arte”, diz Frances sobre Annette, de 2021. “O mais incrível – e bastante discutido na época – é que há três cenas de sexo no filme. Os protagonistas são Adam Driver e Marion Cotillard, e ele faz sexo oral nela nas duas primeiras, ou seja, sexo oral e penetração são tratados de forma equivalente – as duas coisas estão no mesmo nível. O sexo oral não é uma espécie de bônus. Ele é tão importante para a mulher quanto a penetração é para o homem.” 3. The Souvenir: Part II “O sexo neste filme me deixou tão feliz!”, diz ela sobre a sequência de The Souvenir, estrelando a dupla mãe-filha Tilda Swinton e Honor Swinton Byrne. “Em uma cena, há uma rapidinha. A personagem de Honor não deveria estar fazendo sexo com aquela pessoa. Ela está menstruada. E ele faz sexo oral nela. Para mim, isso é um mérito duplo. Não porque a mensagem é ‘eu te amo a ponto de fazer isso’, mas sim ‘estamos fazendo sexo, então se eu vou penetrar você, você vai querer algo equivalente em troca envolvendo seu clitóris.’” Em 2022, Frances está deixando a campanha seguir um fluxo natural. “Apesar de achar que a revolução do clitóris está em um bom caminho, ainda há muito a ser feito para melhorar nosso conceito sobre sexo”, explica ela. “Ainda é raro ver personagens trans fazendo sexo de forma agradável na tela, e Sense8 é uma grande exceção. Além disso, estamos longe de ver bons exemplos de consentimento.” Espero que isso aconteça em breve. SusanDevaneyé jornalista e editora freelancer e já trabalhou para a Vogue britânica e a revista Stylist. Ela também já escreveu para Refinery29 UK, ELLE, The Guardian e outras publicações 

Read More

SUBSCRIBE TO SERVICE95 NEWSLETTERS

Subscribe